Como reter talentos da sua equipe de TI

Npo Sistemas
TI Profissional

Uma das principais preocupações do CIO é tornar a TI cada vez mais relevante para o negócio. Assim, há setores, como o bancário, que respiram tecnologia. No entanto, muitos processos são automatizados, fazendo com que o fator humano seja pouco preponderante. Mas e os recursos humanos por trás de toda essa tecnologia? Como reter os talentos da sua equipe de TI?

Já tratamos que o agente catalisador da transformação digital na empresa, é o CIO. Assim, ele deve se preocupar em dominar as tecnologias e processos. No entanto, também ser o pastor, o guru de sua equipe. Pois é nele que os funcionários vão se espelhar para continuarem unidos e trabalhando pela evolução do negócio.

CIOs também sofrem dos mesmos anseios que qualquer outro funcionário dentro de uma empresa. Mas, mais do que isso, são essas pessoas que devem entoar, quase como um mantra, a importância do ser humano dentro dos ambientes competitivos e cada vez mais autômatos dos escritórios. Portanto, o CIO é o parceiro estratégico do board empresarial e espera que seus gestores possam fazer a gestão da equipe. Assim sendo o agente facilitador e influenciador da cultura corporativa.

O papel do RH

Uma pesquisa da Robert Half, concluiu que funcionários felizes, satisfeitos com o ambiente de trabalho, são os que mais se sentem valorizados. O Great Place To Work chegou às mesmas conclusões. Mas o que isso significa?

As necessidades básicas de um ser humano já foram amplamente estudadas e variam relativamente pouco ao longo do tempo e entre culturas. Nos identificamos com pessoas e organizações que tenham valores semelhantes aos nossos. A partir disso, o papel do RH se faz necessário. É preciso que líderes e liderados criem vínculos, tanto quanto entre o board corporativo e seus líderes. Esses fortes vínculos criam redes de relacionamento entre colaboradores, entre esses e a empresa e entre a empresa e a comunidade onde ela está inserida. Assim, aumentando a capacidade de reter talentos.

Fonte: Pesquisa com mais de 23.000 trabalhadores na Austrália, Bélgica, Canadá, França, Alemanha, Holanda, Reino Unido e Estados Unidos

Anseios dos profissionais de TI

A maior parte dos profissionais, de qualquer setor, se sentem valorizados quando a empresa investe em sua formação. Profissionais de TI não se diferem desse padrão, mas tem ainda mais sede de conhecimento, uma vez que as tecnologias mudam a uma velocidade vertiginosa.

Estratégias de gigantes da tecnologia

A Google usa estratégias semelhantes para reter seus talentos de TI; treinamentos constantes, flexibilização do trabalho e estímulo à criatividade são práticas comuns. A flexibilização do trabalho deixa o ambiente mais leve e descontraído, aliviando a pressão pela busca por resultados. A criatividade estimula funcionários a assumirem mais riscos, de maneira controlada, e igualmente aliviam o clima predatório da alta competitividade. Trabalho remoto e home office são práticas comuns em gigantes de tecnologia, dando uma flexibilidade ainda maior para o funcionário.

Na Google há espaços para descanso (descompressão), geladeiras, máquinas de café e guloseimas, além dos benefícios padrão de grandes empresas, como planos de saúde e odontológico e seguro de vida, havendo ainda a oferta de cursos na área de atuação de cada colaborador. Outros benefícios diferenciados são oferecidos aos funcionários que se destacam, como jantares em restaurantes gourmet, academias de ginástica, aulas de dança, jogos, além do incentivo à integração, com disputas internas de paintball. Quer mais? Médicos, massagistas, playground, lavanderia, videogames, ingressos para jogos de futebol, eventos culturais e shows também são disponibilizados. Alguns escritórios contam com salões de beleza e até salas para um cochilo (pesquise por sleeping pod) na Google.

 

Seus funcionários são carinhosamente apelidados de “googlers”, reforçando o vínculo de proximidade entre a empresa e o funcionário. Novas ideias são sempre encorajadas e passam pelo devido processo de avaliação.

Faça a diferença, use receitas caseiras

Mesmo que sua empresa não seja uma Google ou Apple, que tenha um grande capital destinado à políticas de bem estar social dentro da empresa, pense fora da caixa. Então, para reter talentos, Ofereça segurança psicológica para seus funcionários. Alguns benefícios oferecidos pelas gigantes multinacionais estão financeiramente distantes da realidade da maioria das PMEs e até mesmo de algumas gigantes brasileiras. Mas, por outro lado, incentivos como ingressos para eventos, jantares e coisas do gênero, trazem um vínculo psicológico muito grande entre a empresa e o funcionário. Isso aumenta a felicidade e estabilidade emocional do colaborador. Muito além do bolso ou da saúde física, é preciso cuidar da saúde mental das pessoas.

Estratégias para reter talentos

  • Crie programas de treinamento e não estamos falando daqueles autos didáticos. Eles até são válidos, mas, na maioria das vezes, para pensar e fazer diferente é preciso estar em um ambiente diferente, trocar experiências com pessoas diferentes. Treinamentos externos são a melhor forma para isso.
  • Dê visibilidade aos seus funcionários sobre cargos em aberto e criação de novos cargos dentro da empresa antes de buscar recrutamento externo. Essa política ainda é pouco utilizada e muitos funcionários ficam frustrados ao descobrir que poderiam se candidatar a uma posição, mas foram preteridos.
  • Crie planos de carreira. Um analista administrativo pode estar terminando um curso de machine learning agora e pode ser um potencial estagiário, assim como um analista de testes pode estar terminando um treinamento de Java ou IA, dentre outros exemplos. Permita-os escolherem entre permanecer no cargo atual ou mover-se horizontalmente entre as áreas da empresa.
  • Desenvolva políticas de remuneração e benefícios, além dos padrões de mercado, ofereçam pequenos mimos, mas que fortaleçam vínculos entre a empresa e o funcionário. Ingressos para shows, jantar a luz de velas para namorados, um kit bebê para a futura mamãe. Uma folga maior para o futuro papai.
  • Ambiente inovador; incentive os trabalhos certos para os funcionários, conforme suas habilidades técnicas e comportamentais. Trabalhe os pontos fracos tanto quanto seus talentos já reconhecidos. Pode ser que tenham um potencial novo Steve Jobs em casa e não sabem.
  • Forneça feedback com frequência, as linhas de comunicação devem ficar sempre abertas, essas facilitam e encorajam a participação. Reuniões em ambientes menos formais ou fechados, no modelo stand up são novos modelos e estão dando resultados melhores em culturas inovadoras.
  • Aplique pesquisas de clima organizacional, conheça seus funcionários. Empresas entrevistam o funcionário para admissão, outras realizam entrevistas quando eles estão se desligando, para entender melhor sobre a empresa. Mas muitas ainda não aplicam pesquisas de clima organizacional.

O papel do CIO é, também, de agente catalisador da transformação digital. Parte das funções é também a de atrair e, principalmente, reter talentos. Cuide bem dos seus funcionários e eles cuidarão bem de seus clientes.

Deixe seu comentário

Nosso Blog

  • Inovação

    Tecnologia blockchain: a próxima grande revolução

    31 de outubro de 2019

    Apesar do blockchain estar se popularizando, muitas pessoas ainda não sabem o que ele é e como funciona, nem sequer imaginam o quanto essa tecnologia está próxima do dia a dia dos empreendedores. Muito ligado aos Bitcoins, o blockchain é uma tecnologia que busca a descentralização das informações com o objetivo de aumentar a segurança […]

  • Inovação

    Principais fatores que prejudicam o alinhamento dos negócios com a TI

    24 de outubro de 2019

    Promover o alinhamento dos negócios com a TI é ponto vital para ter sucesso no empreendimento e enfrentar o mercado competitivo. Isso porque a tecnologia tornou-se muito mais do que uma ferramenta operacional, como era vista antigamente. Assim, hoje, por meio dela, é possível reduzir custos operacionais, aumentar a produtividade e melhorar seus lucros. Então, por […]